HÉIA: Banda é confirmada no ‘1º Festival Online Underground Extremo’

Os goianos da HÉIA foram confirmados como headliners em mais um grande festival online, que acabou de divulgar seu cartaz completo com mais de 50 bandas. Trata-se do 1º Festival Online Underground Extremo, que acontecerá nos dias 26 e 27 de dezembro, com transmissão pelo canal do portal Underground Extremo no YouTube, onde a banda se apresentará ao lado de nomes como Vulcano, Póstuma, Expose Your Hate, Losna e muito mais. Link do evento no Facebook para mais informações.

SERVIÇO:
Show: 1º Festival Online Underground Extremo
Local: Underground Extremo (YouTube)
Endereço
Data: 26/12/2020 e 27/12/2020
Horário: 21:00 horas

Ao mesmo tempo, estão disponíveis os vídeos completos com as apresentações do Ritual Metal Show Festival OnLine, que aconteceram nos dias 31/10 e 01/11 e contou com os goianos da HÉIA. A banda participou no segundo dia, dividindo espaço com nomes como Sanatás, Necrohunter, Shaytan e Amen Corner, onde apresentou as músicas “Choronzom”, “Horn Empress”, “Invocação” e “Mother of Choleric Chaos”, podendo ser conferidas aqui. A apresentação da HÉIA inicia-se exatamente em 2:10:23.

Sites relacionados:
Facebook
Youtube
Sangue Frio Produções


Álbum da Mellotrons finalmente chega aos streamings!

A Mellotrons foi uma banda pernambucana formada no ano de 1997 que tinha forte influência do indie rock e shoegaze. Inicialmente como um trio e depois como um quarteto, o grupo foi um dos destaques da cena independente do Recife na primeira década dos anos 2000, tendo se apresentado em todos os grandes eventos da cidade e do estado como Festival No Ar Coquetel Molotov, Abril Pro Rock e Festival de Inverno de Garanhuns, e ido além da fronteira com apresentações em outros estados do nordeste. No ano de 2006, o grupo lançou de forma independente seu primeiro e único álbum homônimo (ouça no seu serviço de streaming favorito), que contou com 10 faixas do mais puro indie rock. Um registro com as principais canções da primeira fase da banda. Nas palavras do Hugo Montarroyos em resenha no Recife Rock: “O álbum beira a perfeição. Bem tocado, gravado e arranjado, traz o grupo apostando nas microfonias e distorções como instrumentos a mais em sua formação. E as influências de outrora estão todas ali: My Bloody Valentine, Radiohead, Smiths e Nada Surf”.

Mas além das influências sonoras da banda, o álbum se tornou referência na história do rock e indie pernambucano dos últimos 20 anos. Todas as faixas foram maturadas ao longo de anos e diversos shows. Canções como “Evening”, “Dreams” e “You And I” eram cantadas a plenos pulmões nos inferninhos e festas da cidade. É possível dizer que as 10 faixas deste álbum são hits por quem acompanhava as movimentações da banda em meio a uma cena que ocupava espaços para pró- guitarras distorcidas em todo o Recife. Gravado no estúdio Mister Mouse, com produção de Missionário José, que hoje em dia integra a Mombojó. O álbum também chamou atenção pela capa minimalista com projeto gráfico de Flávio Pessoa. A Mellotrons era: Haymone (guitarras, vocais, escaleta), Enio Damasceno (guitarras, vocais, sintetizador), Marcos Müller (baixo) e Augusto César Ferreira (bateria). A banda existiu até meados de 2013, quando entrou no limbo comum de projetos que não conseguem decolar para voos mais altos, não por falta de qualidade, talvez por falta de sorte ou o famoso problema geográfico. Quase 15 anos depois, o álbum chega a todos os streamings, em mais um resgate do Hominis Canidae REC. Para aquecer os corações de quem viveu o momento e mostrar pras novas gerações uma das pérolas do indie rock nacional, até então esquecida.

Baixe o álbum em diversos formatos no bandcamp do selo (name your price) ou no blog Hominis Canidae (em mp3).


BROKEN & BONED: confira os lyric videos disponíveis no canal da banda no YouTube

Em 2012 a Broken & Boned se formou e o primeiro de seus lyric videos saiu em 2016. Embora o quinteto de Marabá/PA tenha mostrado garra neste single, vídeos publicados anteriormente no YouTube já mostravam a sua agressividade. Porém, a chegada do primeiro álbum, Hypocrisy Hymns (2018), exigia um bom preparo de terreno para acontecer. Portanto, quem se encarregou disso foi o single ‘False Divinity’ editado em lyric video por Lucas Monteiro. Para que você possa conferir, clique aqui. Já com o full-length lançado e muitos projetos inseridos em seu canal no YouTube, a Broken & Boned chamou o videomaker de nomes como Krisiun e Hellish War para trabalhar em seu novo vídeo. Antes de mais nada, esta ideia se reforçou pelo fato de Hypocrisy Hymns ter entrado para listas de melhores do ano de 2018, como a da revista Roadie Crew. Por conseguinte, muitas pessoas passaram a conhecer o som da banda por indicação deste e de muitos outros veículos. Em razão disso, o novo lyric video a promover o CD em 2019 foi ‘A Fable’. Confira.

Mais um ciclo se fecha para a banda e, de maneira idêntica, se inicia outro com o anúncio do segundo álbum Lies Inside Delusion. Contudo, problemas ocorridos entre 2019 e 2020 atrasaram muito a produção deste novo CD, que ainda está por terminar. Seja como for, o grupo não se abateu por problemas como a saída do antigo vocalista e o distanciamento social imposto pelo estado do Pará. Ao mesmo tempo em que as coisas ficavam difíceis para todos, a Broken & Boned, atendendo às exigências sanitárias, prosseguia com o seu projeto vídeos. Desse modo foi a vez de lançar o lyric video de ‘Fútil’, com o brilhante trabalho de Raoni Joseph nas edições. Veja o resultado.

A Broken & Boned e seus lyric videos esperam por você canal

FORMAÇÃO: Diógenes Oliveira (vocal); Carlos Nava (guitarra e vocal); Marcelo “Marshall” Alencar (guitarra); Lucio de Paula (baixo); André Cecim (bateria).


CAMINHOS OBSCUROS novo EP da Mordaça

O EP Caminhos Obscuros é o novo trabalho da banda de Linda-a-Velha. A banda dá a conhecer o EP CAMINHOS OBSCUROS composto por 5 temas originais e 1 versão da banda Brasileira Macakongs 2099. Destacam-se: “Vives Entre Nós”, com a participação de Jonhie (Simbiose) e Rato (Centopeia, Dr. Bifes e os psicopratas), música dedicada ao nosso amigo Bifes. “O Pior ainda está para vir” com lyric video já apresentado durante a quarentena. “Politiquices” incluída na compilação da Believe Hardcore – distro HARDCORE BENEFIT – Sea Shepherd Portugal. “MUNDO ADVERSÁRIO” – Cover de Macakongs 2099

Pelas palavras de Mordaça “ São caminhos obscuros estes que estamos a passar, em que o mundo muda à nossa volta, e nos deixamos levar pelo medo sem questionar. Atacamos cada vez mais o próximo sem sequer ponderar. Cada vez somos mais egoístas, mas nem somos exemplo para ninguém. O UNDERGROUND tem mais que nunca se manter unido, não por imposição, mas por necessidade. Mesmo sem concertos é um orgulho ver FANZINES, COMPILAÇÕES BENEFITS, ENTREVISTAS a saírem.

Fazem parte deste EP, ao todo são 6 músicas ao longo de 16min que refletem a realidade em que vivemos. O artwork ficou a cargo mais uma vez do nosso amigo e (Ex-)membro Mike Ricardo “The Silva” Design

Vives Entre Nós

O Pior Ainda está Para Vir

Em relação à versão da banda Brasileira Macakongs 2099, “ Inicialmente este 4º trabalho de estúdio seria para um SPLIT CD com os MACAKONGS 2099 e com apresentação neste mês de Julho de concertos em Portugal com as duas bandas, mas com o Covid-19 foi adiado para 2021. Então decidimos lançar as músicas já gravadas, em ano de celebração de 15 anos de Mordaça, e lançar o Caminhos Obscuros em Outubro e com ela a nossa versão de Macakongs 2099 em jeito de agradecimento pelo apoio e divulgação que nos têm feito pelo Brasil. Também esperamos chegar ao público brasileiro em breve, sempre tivemos influência de bandas Brasileiras e faz sentido para nós tentarmos que nos conheçam do outro lado do Atlântico”.

Caminhos Obscuros [2020]

Editora: Edição de Autor [PT]
Data de Lançamento: 12.10.2020
Género: Hardcore
Tracklist:
1 – O Pior Ainda Está Para Vir [01:38]
2 – Politiquices [03:11]
3 – Mundo Adversário [01:24]
4 – Autópsia Antecipada [02:42]
5 – Caminhos Obscuros [02:11]
6 – Vives Entre Nós [04:52]

Mordaça é: Ricardo Foito – Voz; Nuno Pina – Guitarra; Ivo Salgado – Bateria; João Bruno- Guitarra; João Pinto – Baixo

LINKS – MORDAÇA

Facebook
Instagram
Spotify
YouTube


CHAOSFEAR confirmado em tributos ao Slayer e Black Sabbath!

Os paulistanos do Chaosfear confirmaram presença em dois tributos com bandas brasileiras aos monstros sagrados do SLAYER e BLACK SABBATH, ambos a serem lançados em breve pela gravadora inglesa Armadillo Records, subsidiária da Secret Service Records, que lançou anteriormente outros excelentes tributos nos mesmos moldes para medalhões como Mötorhead, AC/DC, Kiss e Deep Purple. O primeiro a ser lançado ainda esse ano será Brazilian Painted Blood: The Brazilian Tribute to Slayer, onde o Chaosfear participará com a faixa “Love To Hate”, presente originalmente no álbum dos americanos Diabulus In Musica, de 1998. Nesse tributo, que será duplo em formato CD digipak de luxo, o Chaosfear estará entre grandes bandas como Korzus, Vodu, Tosco, Venomous, Siegrid Ingrid, Uganga, Genocídio, Andralls, Dorsal Atlântica, etc.

O segundo, cuja data de lançamento está prevista para janeiro de 2021, será uma reedição em formato box de madeira do tributo Sabbath Brazil Sabbath: The Brazilian Tribute to Black Sabbath, lançado originalmente em 2018, em CD digipack duplo de luxo. Nessa nova reedição, teremos além dos dois CDs originais do tributo, mais um CD extra, onde nele o Chaosfear aparecerá com a faixa “Junior’s Eyes”, presente originalmente no álbum dos pais do Heavy Metal, Never Say Die, de 1978. Outras bandas confirmadas são: Drowned, Tailgunners, Sextrash, Genocídio, Silent Cry, etc. Em ambas versões, a banda promete surpreender os ouvintes e apaixonados pelas bandas originais! Aguardem!

O mais recente álbum completo de estúdio do Chaosfear, Be The Light In Dark Days, foi lançado em junho e conta com 7 faixas densas e melancólicas, alternando passagens ora sombrias e cadenciadas, ora velozes e cheias de ‘punch’, com uma produção robusta e moderna, dando ênfase ao mais puro peso do Thrash Metal contemporâneo. As palhetadas abafadas, riffs em profusão, agressividade e brutalidade ímpar se elevaram de tal forma que a zona de conforto dentro da banda já não era uma opção.

Confira o vídeo de “Cold

Confira o vídeo de “From No Past

Confira o vídeo de “Be The Light In Dark Days

A banda ainda está à procura de uma gravadora/distribuidora parceira para o lançamento de Be The Light In Dark Days em formato físico.

Discografia:

Inside The Extreme World (Demo EP/2003)
One Step Behind Anger (Álbum/2006)
Image Of Disorder (Álbum/2008)
Legacy Of Chaos (EP/2012)
“Global Atrocity” (Single/2018)
“Path 21” (Single/2019)
“The Alliance” (Single/2020)
“Whose Fist Is This Anyway” (Single/2020)
Be The Light In Dark Days (Álbum/2020)
“The Toxic Waltz (featuring Steve ‘Zetro’ Souza)” (Single/2020)
“From No Past” (Single/2020)
Cold (EP/2020)

Formação: Fernado Boccomino – Vocal/Guitarra; Eduardo Boccomino – Guitarra Solo; Marco Nunes – Baixo/Teclados/Backing Vocal; Fabio Moysés – Bateria/Backing Vocal

Ouça Chaosfear em:

Spotify
Deezer
iTunes
Amazon
YouTube Music
YouTube

Mídias Sociais:

Facebook
Instagram


Torture Squad: Lançando video clipe de Generation Dead no “Shaman Fest”

Ontem, 13 de novembro foi, realizado o festival online “Shaman Fest”, organizado pelos músicos originais da atual formação do Shaman. Esse evento visou fortalecer e divulgar vários artistas do estilo, engrandecendo e fortalecendo ainda mais o Metal Brasileiro. Um dos nomes confirmados para o festival online foi o Torture Squad, que em celebração ao décimo aniversário do lançamento do sexto álbum da carreira Aequilibrium, preparou especialmente para o evento on line, um vídeo inédito para a faixa “Generation Dead”, que originalmente é a música que abre o disco AEquilibrium lançado em 2010.

A música foi regravada e conta com as guitarras de Rene Simionato e os vocais de May “Undead” Puertas. A gravação de música e vídeo foram feitas no estúdio Bay Area em São Paulo em 23 de novembro. Áudio gravado, mixado e masterizado por Diego Rocha e vídeo gravado, editado e produzido por Lauro Nightrealm (Temple of Arts). Para mostrar aos fãs o que está sendo preparado, o Torture Squad liberou em suas redes sociais o teaser oficial do novo clipe. Nas imagens é possível conferir alguns detalhes da atual versão feita pela banda. Confira. Além do Shaman e Torture Squad, outros grandes nomes confirmados são: Hatefulmurder, Hibria, Sioux 66, Navighator, Golpe de Estado, Anie, Caravellus, Vikraim e Iron Ladies.

Link do evento


Amsterdan convida a sair da inércia no single e clipe “dsclp”

A banda carioca Amsterdan segue entregando faixas inéditas com o clipe e single “dsclp”, traduzindo em música as justificativas para não sair do sofá e a entrega a uma vida de inércia. Convidando a se mexer, o grupo mostra um pouco mais de sua sonoridade repaginada. A faixa já está disponível para streaming e o vídeo, no canal de YouTube oficial. Assista a “dsclp”. Ouça “dsclp”. A nova canção reflete sobre a sensação de ver a vida passar diante das oportunidades perdidas. A ideia para o vídeo veio desse conceito de se arrepender por ter marcado um compromisso – mas também de não querer perder as histórias que os amigos contariam no dia seguinte. O clipe se desenvolve a partir desse duelo entre a proatividade e a monotonia, entre a zona de conforto e o se arriscar.

“Essa música traz aquela sensação de arrependimento, de que poderíamos ter sido melhores ou diferentes no passado. Queremos deixar claro que nem sempre a melhor alternativa é abandonar sua vida e se largar no sofá por dias. De uma maneira bem inconsciente é o que acabamos fazendo muitas vezes sem nem notar, e nos abandonamos, abandonamos amigos e muitas coisas boas que poderíamos ter vivido”, reflete Mateus Muniz. Além dele, Amsterdan é formada também por Ygor Kauling, Gustavo Tavares e Victor Luz. Mais recentemente, a banda traduziu o turbilhão de sensações diante do que acontece no mundo enquanto vivemos isolados em nós mesmos no single “Gafanhotos”, sua primeira faixa inédita em 2020. O vídeo traz uma visão intimista sobre o quanto o mundo externo impacta a saúde mental e reflete sobre os acontecimentos dos últimos meses dentro de uma perspectiva pessoal.

Assista a “Gafanhotos

Ouça “Gafanhotos

Não por acaso, ambas as canções refletem o atual período de quarentena imposto pela pandemia de coronavírus. Como aconteceu com todos os projetos musicais, o grupo se viu diante de limitações inéditas. Se antes gravar em isolamento poderia ser uma escolha de produção ou estética, agora era uma demanda que forçava novos fluxos de trabalho e criação. Nada disso diminui o peso do som da Amsterdan, que traz em suas músicas a turbulência de sentimentos introspectivos unidos com uma visão otimista de superação e mudança. Formada em 2016 na Zona Norte do Rio por um grupo de amigos e batizada como uma carta de intenções de levar o sentimento de liberdade de expressão que deu fama à cidade europeia, o grupo se destacou rapidamente na cena carioca e se apresentou em palcos importantes. Em 2017, eles lançaram o álbum 1766 e realizaram uma extensa turnê. Em meados de 2019, a banda mudou de formação e estrutura.

Agora contando com dois vocais, duas guitarras, baixo e bateria, o quarteto somou à sua discografia com um EP acústico lançado no final de 2019. Prontos para dar o próximo passo na carreira, os músicos entregaram “Gafanhotos” como uma amostra de uma nova fase criativa, solidificada em “dsclp”. A nova faixa já está disponível nas principais plataformas de streaming e o clipe, no canal de YouTube da Amsterdan.

Ficha técnica

Composição e Captação: Mateus Muniz

Músicos: Mateus Muniz, Victor Luz, Ygor Kauling e Gustavo Tavares

Mixagem e Masterização: Douglas Paladino

Direção: Bruno Castro

Roteiro e Captação: Bruno Castro

Edição visual: Mateus Muniz

Crédito: Juliana Gomes

Letra

To largado no sofá

desde anteontem

as luminárias tão me encarando e as plantas também

Já mudei tanta coisa de lugar

não parece bom, to desesperado meu stream parou de carregar

Já me arrependi

(Refrão)

De todas as vezes que eu menti pra ficar em casa a toa

já me critiquei, me reprimi

juro que não vai rolar

desculpem amigos

sei que eu vacilei

Vou na cozinha as vezes

abrir a geladeira e a alguns dos armários

Brinco com os enlatados,

caço palavras nas letrinhas das bulas que me mantém controlado

(Refrão)

De todas as vezes que eu menti pra ficar em casa a toa

já me critiquei, me reprimi

juro que não vai rolar

desculpem amigos

sei que eu vacilei

desculpem amigos

sei que eu vacilei

em todas as vezes que eu menti pra ficar em casa a toa

eu me arrependi


Selfish Fetish: The Zasters reflete sobre egoísmo em novo single

O egoísmo é um traço natural do ser humano. Por isso, está presente em todos. E isso inclui até os nossos afetos e amores. Este é o tema do novo single da banda The Zasters, intitulado Selfish Fetish. A faixa tem elementos de psicodelia, indie pop e lo-fi. O videoclipe dialoga com a estética minimalista ao exibir uma performance da banda, retratando o egoísmo à medida que os integrantes se amarram entre fitas coloridas. Assista ao videoclipe de Selfish Fetish no Youtube. Rafa Luna destaca a inspiração da The Zasters em nomes como Men I Trust, Metronomy, Warpaint e Billie Eilish. “Essa foi a nossa referência para a concepção dessa música. É um salto em relação à nossa sonoridade antiga. Saímos do rock cru em direção a algo mais moderno, com pitadas de pop e música alternativa”. Arte da capa por Na Sukrieh

A vocalista e guitarrista Jules Altoé ressalta a ambiguidade da letra. “Selfish Fetish, em inglês, significa fetiche egoísta. Porém, não especificamos se o título se refere ao eu-lírico, a um terceiro ou ambos. A interpretação fica aberta”. Escute Selfish Fetish via Spotify, Deezer ou Apple Music. Além de Rafa e Jules, o quarteto ainda é formado por Na Sukrieh (bateria e backing vocals) e Andre Celkevicius (baixo e backing vocals). O grupo está em atividade desde 2015 e atualmente trabalha na produção do seu primeiro álbum de estúdio – previsto para meados de 2021.


Roadie Crew – Online Festival legitima a hegemonia da cena contemporânea de heavy metal no Brasil

A revista Roadie Crew, em parceria com a produtora Som do Darma, apresentaram ontem, sexta-feira, dia 13 de Novembro, às 19h30, a oitava edição do “Roadie Crew – Online Festival”. O evento online, realizado mensalmente, deu continuidade à sua missão de celebrar e promover o trabalho das bandas brasileiras e fortalecer a cena do heavy metal nacional, sempre com transmissão “Streaming-Live” exclusiva pelo canal oficial da Roadie Crew no Youtube. Até aqui, mais de 120 bandas já passaram pelo festival, e centenas de outros grupos aguardam para se apresentarem em futuras edições. Isso tem tornado evidente que o Brasil tem, atualmente, quantitativa e qualitativamente, uma das melhores cenas de heavy metal do mundo, com todo respeito ao passado histórico das cenas de países como Inglaterra, Estados Unidos, Alemanha, Suécia, Noruega, entre outros.

Essa oitava edição, referente ao mês de novembro, trouxe 16 bandas, todas apresentando conteúdo exclusivo e inédito. Os vídeos, um por banda, continuam sendo produzidos pelos músicos em suas casas, entretanto, com as medidas de flexibilização e reabertura gradual da economia, algumas bandas passaram a registrar seus vídeos ao vivo em estúdio. As bandas confirmadas para esta edição foram: Vulcano, Holocausto War Metal, Azul Limão, Pastore, Tribal Scream, Ancestral Malediction, Petallom, Panndora, Scalped, Expose Your Hate, Darkside, Blackdome, Hate By Hate, Ossos Cruzados, Setfire e Scud.

Os músicos de algumas das bandas participantes estarão online interagindo com o público durante a transmissão pelo Youtube. Essa edição também trará novidades com relação a dinâmica do festival e as apresentações dos blocos.

Serviço:
“Roadie Crew – Online Festival” – 8ª Edição
Data: 13 de Novembro de 2020
Horário: 19h30
Local: Canal da Roadie Crew no Youtube 
Bandas: Vulcano, Holocausto War Metal, Azul Limão, Pastore, Tribal Scream, Ancestral Malediction, Petallom, Panndora, Scalped, Expose Your Hate, Darkside, Blackdome, Hate By Hate, Ossos Cruzados, Setfire e Scud.
Horários No Exterior (Time Zone): November 13th – 05:30 pm – Lima, Quito, Bogotá, Monterrey Time| November 13th – 06:30 pm – Santiago, La Paz, Asuncion, Havana, New York Time | November 13th – 07:30 pm – Buenos Aires, Montevideo Time | November 13th – 11:30 pm – London Time | November 14th – 12:30 am – CET and Johannesburg Time | November 14th – 01:30 am – Moscow Time | November 14th – 02:30 am – Dubai Time | November 14th – 05:00 am – New Delhi Time | November 14th – 06:30 am – Hong Kong Time | November 14th – 7:30 am – Tokyo Time | November 14th – 8:30 am – Sidney Time


PernaLonga lança clipe de “Mocó”

A banda Perna-Longa (Porto Alegre) divulgou dia 6 de novembro, o clipe de “Mocó”, décima primeira faixa do álbum Vidas Alheias Destinos Incertos, lançado no dia 4 de setembro. A direção do clipe é de Renato Chama. A produção é de Chama Vídeo Independente e Izza Balbinot. As filmagens ocorreram na Yerbah Skate Shop. Para ver. Para escutar.

O disco foi gravado entre os anos de 2014 e 2018, no Estúdio Hurricane, em Porto Alegre, por Sebastian Carsin, responsável também por toda gravação, mixagem e masterização. Atualmente, a banda é formada por Christopher Santos (guitarra e vocal), Felipe Diedrich (bateria) e Gabriel Xerxenesky (baixo). São 12 faixas que mostram um passeio por diversas fases e ritmos que a banda carrega em sua essência. O disco apresenta uma mescla de hardcore, punk rock, ska e reggae. As letras tratam do cotidiano com uma sonoridade que remete a fase dos álbuns de hardcore dos anos 90.

Deixar comentário

Seu email NÃO será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.