Uganga vai divulgar nome de novo guitarrista em show nesta sexta

Servus, novo disco do Uganga, está quase pronto. Com produção de Gustavo Vazquez e do vocalista Manu “Joker”, o quinto álbum de estúdio do grupo mineiro, sucessor do aclamado Opressor (2014), está sendo financiado por dois relevantes prêmios, o Wacken Foundation, organização alemã sem fins lucrativos idealizada em 2008 pelos produtores do Wacken Open Air – o maior festival de heavy metal do mundo – e que apoia projetos de hard rock e heavy metal de todas as partes do mundo, tendo nomes como o de Alice Cooper entre os doadores, e também pelo Programa Municipal de Incentivo à Cultura (PMIC) de Uberlândia, Triângulo Mineiro, de onde a banda é originária.

Servus vai reunir 13 faixas: “Anno Domini” (Intro), “Servus”, “Medo”, “O Abismo”, “Dawn”, “Imerso”, “7 Dedos”, “Couro Cru”, “Hienas”, “Lobotomia”, “Fim de Festa”, “E.L.A. (Elo)” e “Depois de Ontem…”. O desenho da capa de Servus foi desenvolvido pelo artista pernambucano Wendell Araújo que já trabalhou com outras bandas de destaque como Ratos de Porão e Cólera.

Servus vai ser lançado em Fevereiro, mas nesta próxima sexta-feira, dia 21 de Dezembro, o grupo faz um show de pré-lançamento do álbum no Vitrola Ambiente Cultural em Araguari, no Triângulo Mineiro. O vocalista Manu “Joker”, os guitarristas Christian Franco, Thiago Soraggi e Murcego Gonzales, o baixista Raphael “Ras” Franco e o baterista Marco Henriques vão tocar pela primeira vez ao vivo algumas faixas que estarão no álbum. Não obstante, esse será o show de despedida de Murcego Gonzales que está deixando a banda por razões pessoais.

“Infelizmente estou me desligando do Uganga. No momento não conseguirei conciliar a demanda do grupo com algumas questões particulares e por isso a minha opção de não seguir adiante. Nesses 25 anos de amizade, e quase cinco anos como integrante fixo, tive o prazer de participar da trajetória dessa grande banda viajando, compondo e registrando trabalhos dos quais tenho imenso orgulho. São alguns fatores que me levaram a essa decisão, e o mais importante deles é a vinda do meu filho agora em Março de 2019. Eu sempre tive o desejo de ser pai e quero curtir toda essa fase com calma. Felizmente a correria do Uganga tem sido muito grande, tendendo a aumentar, e conciliar esses momentos agora seria muito difícil. Além disso, há tempos venho adiando um tratamento de coluna no qual precisarei ficar mais quieto, e estrada, palcos, vans não são o melhor lugar para esse descanso (risos). Música sempre fará parte da minha vida, seguirei com meu trabalho junto ao Canábicos, adequando nossas atividades à fase que estou vivendo, e sendo sempre um integrante da família Uganga. Novas parcerias virão! Temos um grande álbum prestes à sair e tenho certeza que 2019 será um grande ano para todos nós.”, declarou Murcego Gonzalez em comunicado oficial.

O substituto de Murcego Gonzalez já foi escolhido, com a ajuda do próprio Murcego, e será revelado no palco, ao vivo, no show desta sexta-feira. Previsto para iniciar às 22h, o evento desta sexta ainda contará com apresentações do grupo de rap Terra MC e do músico Luiz Salgado, que também é um dos convidados especiais em Servus, do Uganga. O Vitrola Ambiente Cultural fica na Rua Rui Barbosa, 130 no centro de Araguari. Os ingressos estarão sendo vendidos no local na hora do show por R$ 10,00.

Entre outras novidades, a atual edição do programa Underdose (#47) trouxe uma bela cobertura dos shows mais recentes realizados pelo Uganga, entre eles a apresentação da banda no festival Abril Pro Rock em Recife/PE e também o show que o grupo fez ao lado do Corrosion Of Conformity em São Paulo. Para assistir essa edição do programa Underdose, acesse. Não se esqueça de se inscrever no canal do Underdose no Youtube para ficar ligado quando novas edições do programa forem postadas.

Mais Informações:
www.uganga.com.br
www.facebook.com/ugangaband
www.youtube.com/ugangamg
www.twitter.com/uganga
www.instagram.com/uganga
www.wacken-foundation.com


Thunderspell: terminada as gravações do E.P Power, Blood And Glory

A banda de Heavy Metal Thunderspell terminou as gravações de seu próximo lançamento, o E.P Power, Blood And Glory, que conta com cinco músicas, sendo uma inédita, dois covers e mais duas bônus tracks ao vivo, registradas no show do encerramento da “BATTLE SCREAM TOUR”, no Teatro Waldemar Henrique, em dezembro de 2017.

“Terminamos as gravações esse final de semana passado do nosso Ep Power Blood and Glory , apesar de alguns contra tempos conseguimos finalizar esse ano. Foi bastante satisfatório e o resultado final ficou bem agradável a banda. Acredito que os nossos fãs irão curtir muito. A música Power Blood and Glory ficou show. Vamos fazer uma pré venda do cd físico e lançar um videoclipe também. Aguardem que 2019 vem cheio de novidade!”

A arte foi feita pelo designer Getulio Faria, que já trabalhou com várias bandas e artistas nacionais, entre eles Ivan Busic (Dr Sin), Trigger, Vallet e Alkanza. A banda ficou muito satisfeita com o resultado alcançado pois o artista conseguiu expressar com exatidão o conceito que o Thunderspell queria para esse trabalho.

Veja a seguir o Track List do disco

01- Power, Blood And Glory (nova música)

02- Fire Power (Raven Cover)

03- One Night Stand (Motorhead Cover)

04- Thunderspell (ao vivo no Teatro Waldemar Henrique )

05- Black Flames (ao vivo no Teatro Waldemar Henrique )

THUNDERSPELL é atualmente formada por: Hugowar: Guitar; Leo Rodrigues: Vocals; Bruno Gibson: Bass; Paulo Wallace: Drums; Bruno Tavares: Guitar

Acompanhe a banda THUNDERSPELL em:

Facebook 
Profile 
SoundCloud 


Em novo clipe, Lyria mostra a harmonia entre o gótico e a paisagem do Rio

O Corcovado, a Ponte Rio-Niterói e a Baía de Guanabara são cartões postais que representam o Rio de Janeiro, e agora também se tornam símbolo de libertação no novo clipe do Lyria, “Let Me Be Me”. A canção faz parte do disco Immersion, lançado este ano e já disponível nos streamings. Gravado no alto de um prédio, o vídeo foi dirigido pelo Lyria em parceria com a CS Music Videos, produtora já conhecida na cena independente.

É do alto de um prédio no Centro do Rio de Janeiro que “Let Me Be Me” pulsa. Uma das músicas mais pedidas nos shows do Lyria, a letra mostra que é preciso persistir e encarar o desconhecido, mas sem nunca perder a essência de quem se é. Este é o segundo single de Immersion (2018) e sucede “Hard to Believe”, que também ganhou clipe que hoje supera as 140 mil visualizações no YouTube.

“A música fala sobre libertação, em como sair do olhar do outro e enxergar-se como si mesmo, com seus defeitos e qualidades, que te tornam um ser único. Algumas pessoas se projetam no outro, apontando defeitos que, na verdade, estão no próprio indivíduo. Deixar de viver sob a expectativa alheia e buscar seus próprios sonhos, seu sentido de viver.”, define Aline Happ, vocalista e compositora da faixa.

Gritando do alto de um prédio para todos ouvirem, o desejo é de ter um lugar na luz e dar fim a personalidade oculta. Gravado com iluminação natural, é possível perceber a diferença em relação aos vídeos anteriores, de “Hard to Believe” e “Jester”, que assumiam a escuridão como um elemento recorrente. Nesta música, o Lyria busca a claridade, como se enfim chegasse ao ponto que ambicionou: ser eles mesmos.

Um dos grandes nomes do metal nacional, o Lyria é formado por Rod Wolf (guitarra), Thiago Zig (baixo) e Thiago Mateu (bateria), além de Aline. Desde 2012 na estrada, eles se tornaram conhecidos no Brasil e em países da Europa e nos Estados Unidos a partir do lançamento de Catharsis, disco de estreia em 2014. Atualmente eles seguem em turnê com o disco Immersion, que já passou por diversas cidades da Região Sudeste.

O clipe de “Let Me Be Me” foi editado e produzido por Vinicius Hozara, da CS Music Videos, que também atuou na direção e roteiro junto do Lyria. A captação de imagens por meio de drones foi de Glauber Barros e CS Music Videos. A CS Music Videos é uma produtora independente que já trabalhou com o Lyria em outras ocasiões, como no clipe “Jester”, que conta com mais de 230 mil visualizações no YouTube. A empresa também já trabalhou com bandas como Hatefulmurder, Cara de Porco, Ágona, entre outras.


 

Attomica: Banda disponibiliza “Back And Alive” em todas as plataformas digitais através do selo Roadie Metal

Após um hiato de 10 anos que perdurou entre os anos de 1993 e 2003, o Attomica se reencontrou para um show de reunião para comemorar a formação clássica que gravou o álbum Disturbing the Noise (1991). Essa reunião propiciou o lançamento de um registro ao vivo, Back And Alive, gravado em 2003 e lançado oficialmente em 2004 pela gravadora Hellion Records.

O álbum possui todos os clássicos da banda e apresenta uma formação coesa e sóbria. O registro foi gravado na cidade natal, São José dos Campos/SP, com presença maciça dos fãs e apoiadores do Attomica. Após 14 anos de seu lançamento físico, o Attomica oficializa o lançamento exclusivo do álbum em todas as plataformas digitais. Em parceria com o Selo Roadie Metal, já está disponível para os fãs o registro Back and Alive”para audição completa no Spotify, Deezer, ITunes, Tidal, Amazon e várias outras plataformas.

Escute agora Back and Alive em sua plataforma favorita:

Spotify

ITunes

Deezer

Google Play 

Music.Amazon 

Tidal 

Amazon

Tracklist:

01 – Dying Smashed

02 – Flesh Maniacs

03 – Ways of Death

04 – The Chainsaw

05 – Children Assassins

06 – Marching Over Blood

07 – From Beyond

08 – Blood, Guitar Solo

09 – Samurai

10 – Deathraiser

11 – Forbidden Hate

Atual Formação: André Rod – Vocal/Baixo; Marcelo Souza – Guitarra; Argos Danckas – Bateria

Mais informações:

Facebook 

YouTube 

Instagram 

Twitter 

Roadie Metal Press 


Attrack: Abre audições para posto de baterista da banda

O grupo Attrack, oriundo da cidade de Curitiba, lançou recentemente seu primeiro álbum da carreira. O disco “Um Salve da Selva” vem recebendo críticas positivas das mídias nacionais e proporcionando ao grupo várias apresentações na capital paranaense e em se estado de origem.

Apesar de viver um bom momento, o Attrack acaba de sofrer uma baixa em seu lineup oficial, o baterista Nogo, deixou a banda por motivos pessoais. Com isso, o grupo está iniciando as audições para o posto de baterista da banda.

Interessados em saber como enviar seu material, ou, entrar em contato com a banda, é necessário possuir alguns requisitos, entre eles, tocar com pedal duplo, ter disponibilidade de horários de uma a duas vezes por semana para ensaios, possuir equipamento próprio e residir na região de Curitiba.

Entre em contato e mande seu material para o Attrack pelo:

E-mail

Celular: 41 99800-0073 (Falar com Gabriel)

Formação: Gordo: Vocal/Guitarra; Pinha: Guitarra; Drape: Baixo

Mais informações:

Facebook 

Roadie Metal Press 


 

Faces Of Death figura entre melhores álbuns de 2018 em importante site sul-americano

O site Headbangers LatinoAmerica anualmente disponibiliza para seus leitores, uma enquete para votação de melhores álbuns lançados do ano. Em 2018 foram registrados 425 registros de bandas de toda a América do Sul, entre eles, destaque para o pesadíssimo From Hell do Faces of Death. Com vários nomes renomados indicados aos melhores do ano, o Faces Of Death recebe de forma honrosa essa posição de ser mencionado ao lado de grandes nomes do Metal Sul-americano como Krisiun, Nervosa, Edu Falaschi e vários outros.

O vocalista e guitarrista Laurence Miranda expressou o sentimento de figurar entre os principais lançamentos do ano em um importante veículo de comunicação estrangeiro: “Para nós do Faces of Death é uma honra ter nosso trabalho reconhecido junto à grandes nomes do Metal Nacional. Para quem diz que o metal está morto está aí uma prova de que ele está mais vivo do que nunca”.

Interessados em conhecer o álbum From Hell, o mesmo se encontra disponível em formato físico e digital. Para adquirir uma cópia, basta entrar em contato com a banda pelas redes sociais ou conferir o registro em sua plataforma favorita.

Formação: Laurence Miranda – vocais, guitarras; Felipe Rodrigues – guitarras; Sylvio Miranda – contrabaixo; Sidney Ramos – bateria

Mais informações:

Facebook 

Roadie Metal Press


Relembre homenagem ao mestre Chuck Schuldiner (Death)

O dia 13 de dezembro de 2001 ficou marcado para sempre para todos Headbangers fãs de metal extremo. Nesta data perdemos Chuck Schuldiner, líder da banda Death, um dos criadores do Death Metal, após uma grande batalha contra um câncer no cérebro.

A banda Chaos Synopsis, que tem o Death como uma de suas maiores influências, gravou no seu E.P Postwar Madness, lançado em 2009, um cover para a faixa “Zombie Ritual”, presente no disco Scream Bloody Gore, considerado um dos primeiros, se não o primeiro disco de Death Metal da história.

Para celebrar a arte de Chuck Schuldiner, escute a versão do Chaos Synopsis para o clássico Zombie Ritual.

Links relacionados:
Site
Facebook


Scars: assista ao novo videoclipe da inédita “Armageddon”

A banda Scars lançou novo videoclipe para a faixa “Armageddon“. A música marca em definitivo o retorno das atividades dos Thrashers paulistanos após a pausa em sua carreira. O último lançamento tinha sido o disco DevilGod Alliance, lançado em 2008.

O clipe foi produzido pela própria banda, com direção do guitarrista Alex Zeraib e o vocalista Régis F., e mostra todos os atos que levaram Lúcifer a criar o inferno, uma clara continuação da saga inciada nos discos Nether Hell e DevilGod Alliance. A música foi gravada no estúdio LoudFactory, na zona sul de São Paulo, sob supervisão do renomado produtor Wagner Meirinho. Somente a bateria foi gravado no Orra Meu Estúdios.

A faixa possui aquilo que todo fã de Thrash Metal espera de uma boa banda: riffs e solos pesados, rápidos e instigantes, bateria com levadas de 2 bumbos matadores, um baixo pesadíssimo e uma performance nunca antes vista do vocalista Régis F., com as linhas vocais mais agressivas já gravadas pelo mesmo. Para marcar esse lançamento será lançado uma tiragem especial de camisetas para o novo material, além de camisetas em homenagem aos 15 anos do disco Nether Hell, pela True Metal Records & Distro.

Veja aqui o clipe para Armageddon

Maiores Informações:

Youtube 
Instagram 
Facebook


Leftover Bullets’ new single and new video clip!

It’s called “Confused” and it’s gonna blow you away!!! Look the video.

Download mp3 here



Stoner rock titans FU MANCHU to headline the Sunday at DESERTFEST LONDON this May!

Over the past seven years of DESERTFEST LONDON, we’ve had a lot of incredible memories of otherworldly performances from many of the notable bands this humble scene has to offer. Today, we finally cross another huge name off our bucket list, as we reveal that kings of the road Fu Manchu will headline Roundhouse on the Sunday at Desertfest 2019. Not only that, but we can also reveal that joining them on May 5th’s mammoth Roundhouse Stage are the previously announced All Them Witches, Witch, Earthless and Colour Haze.

Southern California’s boogie-rocking titans were born out of the hardcore punk scene of ’85 as Virulence, but quickly switched up their super-speed, underground angst for more of a drawlin’, skateboard rampin’, hard-rockin’ vibe and so FU MANCHU was born. Throughout the next thirty years or so they’d come to be known to many as the AC/DC of the now global desert rock scene: always consistent, always on trend, always ready to rock; any time, any venue, anywhere. Recently Fu Manchu have gone through a phase of touring albums in their entirety, and from the rising asphalt of In Search Of…, to the laserblastin’ The Action Is Go and right through the true hell on wheels that is King On The Road and beyond, we’ve all got a favourite Fu Manchu moment. If not, then there’s never been a better time to get familiar with the hardest rockin’, hotdoggin’ back catalogue in history.

Fu frontman Scott Hill is clearly as excited as we are for the boogie van to roll into Camden Town: “We’re so stoked to be a part of Desertfest and to play the legendary Roundhouse in London. It’s hard to believe that we will be playing the same spot as some of our heroes like Hendrix, Pink Floyd, Led Zeppelin, The Clash, Ramones and Motörhead.” We couldn’t agree more.

Joining them on what we believe is our biggest Roundhouse stage yet on Sunday May 5th, are four must-see masters of the underground who have already been announced for Desertfest 2019. ALL THEM WITCHES bring an approach to the modern wave of bluesy psychedelia that is all their own, hot off the heels of their recently released and truly impeccable ATW. After releasing a few of the noughties’ most bad ass albums, WITCH return from their slumber to provide a doomed out kind of psych to the Sunday. Riffs for days are guaranteed when EARTHLESS show up; with an ultimate jam band approach which both rips and shreds, faces will melt into a gooey pile of mush. Last but not least, European underground heroes COLOUR HAZE will open up the Roundhouse with their scene defining slice of heavy psych.

We couldn’t ask for a better way to round out what we’re sure will be a killer Desertfest 2019 than this lineup at The Roundhouse. Be sure not to miss out, book your tickets today.

DESERTFEST LONDON /// 3-5th May, 2019 in London

Deixar comentário

Seu email NÃO será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.