Por Amanda Cipullo

Ao escutar Live at The Suwalki Festival Poland, o mais recente álbum de Nuno Mindelis, lembrei-me instantaneamente da série The Blues (2003), famosa produção de Martin Scorsese, que explora os aspectos e particularidades do estilo, por meio do olhar de diretores que também são amantes da música. Para ser mais exata, lembrei-me especificamente de Feel Like Going Home, um dos documentários que compõem a série – dirigido pelo próprio Scorsese – no qual o Bluesman Corey Harris viaja do Mississipi à Mali, na África ocidental, em busca de suas raízes musicais. E o que uma coisa tem a ver com a outra? Bem, assim como no filme de Scorsese, a temática do novo projeto de Mindelis também nos leva para uma deliciosa viagem às suas origens.

No disco  – captado durante o aclamado festival polonês, em 2018 – o guitarrista faz releituras que mesclam ritmos e canções tradicionais da Angola, seu país de origem, com pitadas tipicamente brasileiras, riffs de rock n’ roll e, é claro, blues.

Composto por oito faixas, o álbum começa com um medley: “Funky Mamma”, clássico do shuffle, de John Patton, “Don’t break Our Thing” e “Hugs”, ambas compostas por Mindelis – esta última, gravada originalmente no álbum Texas Bound (1996), com a lendária Double Trouble.

Na segunda faixa, somos introduzidos ao kimbundo – dialeto falado em Luanda – por meio da belíssima “Mona Ki Ngi Xica”, tradicional balada angolana apresentada em versão blues. Na sequência, Nuno nos brinda com “Texas Bound”, música também presente no álbum de mesmo nome e sempre exigida pelos fãs, como o músico costuma dizer durante os shows.

Na terceira faixa, temos o segundo medley do disco: “They Call Me the Beast” (também do álbum Texas Bound) com citações de “Rã” (Caetano Veloso e João Donatto) e “Looking Good”, de Samuel Maghett, o Magic Sam, bluesman de Chicago. A mescla conta ainda com um solo poderoso do baterista Dhiego Andrade, que desce o braço na bateria de olhos vendados – é isso mesmo que você leu e, sim, tem que ver ao vivo – enquanto faz malabarismo com as baquetas.

A quarta faixa segue com “It’s All About Love”, um rock n’ roll composto por Mindelis e gravado no álbum anterior Angels & Clowns (2014).

O terceiro e último medley, faixa 5, é composto por mais uma canção em kimbundo, a “Nbri Nbri”, junto com “In Trouble” – do disco Blue On The Outside (1999), também gravado com a Double Trouble – e finalizando com um tributo a B.B King. O show termina com “Mas Que Nada”, de Jorge Ben, bis presente nas faixas 7 e 8. A canção aparece também em Outros Nunos, álbum de 2005, no qual Mindelis já havia saído da praia tradicional, dando uma nova roupagem a canções como “Se eu fosse um dia o seu olhar”, de Pedro Abrunhosa, e “Como Dois Animais” de Alceu Valença.

O Live at The Suwalki Festival Poland, foi lançado em 13 de fevereiro, em São Paulo, no Bourbon Street e tem sido muito bem recebido pelo público. E não tinha como ser diferente.  A banda, composta por Allex Bessa nos teclados, Marcos Klis no baixo e Dhieego Andrade na Bateria e com o timbre marcante de Mindelis, promovem um show arrebatador e repleto de inserções inusitadas, resultado de um trabalho extremamente maduro e autoral. Experiência sonora poderosa – até os fãs mais tradicionais – que de tão intensa, torna-se também sensorial, afinal, parafraseando o poeta Matsuo Bashô: cada música é uma viagem, e a viagem é lar.

TRACKLIST

  1. Medley: Funky Mamma, Don’t break Our Thing, Hugs
  2. Mona Ki Ngi Xica
  3. Texas Bound
  4. Medley: They Call Me the Beast, Rã, Looking Good
  5. It’s All About Love
  6. Medley: Nbiri Nbiri, in Trouble, B.B King Tribute
  7. Mas Que Nada No. 1
  8. Mas que Nada No. 2

1 comentário

  1. Davi Pascale

    Muito legal o texto. Coincidentemente, no último sábado, assisti um show dele no Sesc Santo André lançando esse disco. Showzaço! Achei que ficou interessante a mistura dele de blues com ritmos angolanos. O seu texto também ficou muito bom. Parabéns!

    Responder

Deixar comentário

Seu email NÃO será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.