suprema_clipe_fury

por Thiago Reis

Uma das grandes surpresas do ano de 2013 no Metal Nacional foi o grupo paulistano SupreMa. Nosso colaborador Thiago Reis fez uma série de perguntas para o guitarrista Douglas Jen, abrangendo diversos aspectos como o álbum Traumatic Scenes bem como o futuro do grupo.

Thiago Reis: O álbum Traumatic Scenes vem recebendo ótimas críticas tanto no exterior quanto em nosso país. A que se deve todo este reconhecimento à música da banda SupreMa?

Douglas Jen: Primeiramente obrigado aos editores do site por este bate papo. Para ser sincero não tem uma fórmula exata o reconhecimento do trabalho. Eu creio que quando você faz pela paixão e por gostar do que está fazendo, você consegue colocar uma sinceridade no trabalho e passar uma verdade às pessoas, com isso o reconhecimento vem de forma natural, sem pressa e sem forçar a barra. É o que fazemos, colocamos nosso talento e também nosso coração ali. Somos bem cuidadosos também com cada passo da banda seja na gravação do CD, montagem do cenário, escolha de figurino, iluminação, som, palco, produção… Enfim, cada coisa tem que ser feita da forma correta, creio que é isso que nossos fãs e imprensa apreciam na banda.

TR: Falando em Traumatic Scenes, também estreou o clipe da faixa “Nightmare” como single.  A escolha desta música para ser o carro chefe de divulgação do álbum foi unânime? É ela que representa tudo o que o SupreMa pode ser em termos de estilo?

DJ: Com certeza a “Nightmare” foi unanimidade para ser o single do CD. Na hora de compor e gravar tínhamos outras músicas em mente mas depois que o CD foi tomando forma e sendo mixado é que fomos conhecendo o potencial de algumas músicas que tinham passado desapercebido.  A “Nightmare” era uma música secundária para nós e tanto é que nas tours de 2008 e 2010 pelo Nordeste e nos shows com o Evergrey no Rio de Janeiro e Curitiba nós tocamos algumas músicas novas e a “Nightmare” nem estava no repertório. Quando o CD ficou pronto e começamos a degustar as músicas é que começamos a perceber o potencial de cada uma delas e ao vivo cada uma têm demonstrado sua energia. Queríamos mostrar para os nossos fãs a nova cara da banda e a “Nightmare” é uma música que tem vários elementos essencialmente SupreMa, que é a velocidade, técnica e também um refrão muito marcante.

_MG_1100

TR: A banda SupreMa conquistou seu espaço de uma forma mais árdua, fazendo turnês e mais turnês por várias cidades brasileiras antes de gravar o álbum Traumatic Scenes. Quais são as vantagens de se tomar este caminho “inverso”?

DJ: Eu creio que os tempos mudaram bastante. O artista tem que estar na estrada e não se preocupar com a pirataria. Fala-se muito sobre gravadoras fecharem portas e de downloads ilegais, pirataria e sites de compartilhamento. Digamos que muitas coisas não se podem evitar muito, então os artistas tem que se adaptarem às novas formas de trabalho. Independente de ter um material físico para vender nos shows você precisa fazer os shows, estar em contato com seu público e talvez este seja um de nossos diferenciais. Em nossas tours anteriores fomos em cidades bem pequenas do sertão nordestino e claro, nas grandes capitais, e seja no pequeno ou no mega show sempre colocamos nossa estrutura e nosso coração no show. Tocamos com a mesma energia para 100 ou para 5.000 pessoas. Sempre atendemos todos os fãs na mesa do merchandising mesmo que seja 3 ou 4h da manhã, trocamos ideia com a galera, batemos fotos e isso é muito divertido. O SupreMa sempre vai fazer turnês, sejam elas no lançamento dos discos ou mesmo fora de época.

TR: Recentemente o clipe de “Nightmare” ficou em segundo lugar nas paradas da TV suíça. Como vocês receberam esta notícia? Foi um choque positivo ver a banda tendo logo de cara este reconhecimento?

DJ: O clipe da “Nightmare” foi lançado em 2011 e já percorreu várias emissoras no Brasil como a MTV, NGT e foi mais recentemente que o SupreMa investiu mesmo numa carreira internacional. Nesta investida em terras europeias tivemos muitas portas abertas em sites, revistas e agora em TVs e isso para nós foi muito gratificante. Eu diria que foi um susto enorme pois eu sabia que o clipe da “Nightmare” estava sendo exibido por lá mas quando recebi a notificação que ele ficou em 2º lugar foi algo assim magnífico! Ainda temos bons frutos a colher deste clipe que recentemente passou os 65.000 acessos no YouTube!

TR: Já que a banda vem recebendo ótimos elogios da imprensa européia, vocês acreditam que em um futuro não tão distante, terão a oportunidade de excursionar por lá?

DJ: Digamos que esta é nossa meta que estamos buscando nos últimos anos. Em 2008 tínhamos propostas para fazer uma tour na Holanda e Alemanha, porém como o CD não estava gravado preferimos não ir e trabalhar mais no Brasil. Agora com o CD lançado e com todo reconhecimento que o Traumatic Scenes vem tendo, eu creio que a hora vai chegar em breve. Estamos dando um passo por vez, sem pressa e queremos fazer uma bela tour quando chegar a hora, com toda estrutura, com a equipe, cenário e com toda energia e técnica que o SupreMa desempenha no palco.

jam-4-henrique-pimentel

TR: Vocês tem em mente gravar mais um clipe, já que o vídeo de estreia deu tão certo?

DJ: Sim e estamos bem animados! O clipe da “Fury and Rage” é a coisa mais insana que fizemos na carreira. Na verdade desde março temos trabalhado no roteiro e tem 5 meses que ocorreram as primeiras filmagens! Estamos fazendo um trabalho bem cuidadoso, é a maior produção que o SupreMa já fez em toda carreira! Estamos trabalhando com a Nevasca Filmes que é uma gabaritada produtora que trabalha com inúmeros artistas e empresas mainstream como Naldo Benny, João Neto e Frederico, Rick Bonadio, Micael Borges, Manu Gavassi, The Vampire Diaries (RTA Global) e também já trabalharam na produção do programa Pânico na TV (RedeTV e Band). É uma imensa satisfação trabalhar com caras deste nível e desde a primeira reunião quando apresentei as ideias do clipe e a letra e áudio da “Fury and Rage”, os diretores piraram e abraçaram a banda. Pensamos em mil coisas e eles estão fazendo tudo isso se tornar real.

Tivemos cuidado com cada parte da produção, desde as locações, maquiagem, figurino, escolha da atriz e os equipamentos de filmagem. As locações são incríveis e as filmagens ficaram animais. A atriz selecionada foi a Mayra Moura, que fez uma interpretação impecável da personagem “Serena”, tanto em seu lado cotidiano quando em seu lado possuído. É praticamente um curta metragem inserido dentro de um vídeo clipe de banda. Não vemos a hora de poder publicar este vídeo clipe, nossos fãs vão se orgulhar do detalhismo e cuidado que tivemos. E a história como sempre, é uma viagem surreal! Em breve divulgaremos fotos do making of e também a data oficial do lançamento em www.suprema-online.com .

TR: Quais seriam os próximos passos da banda SupreMa? Gravar um novo álbum no próximo ano ou excursionar mais divulgando Traumatic Scenes?

Douglas Jen: O próximo passo agora da banda é fazer o lançamento do novo vídeo clipe da “Fury and Rage” e temos já diversos compromissos na divulgação deste clipe. Depois disso continuaremos a tour do Traumatic Scenes que foi lançado em maio/2013 no Via Marquês em SP e depois disso fizemos somente mais 4 shows. A tour Nordeste completa ficará para 2014 e já temos algumas coisas em andamento no Sul. Queremos fazer uma bela tour levando todo nosso cenário e todos detalhes que o disco traz. Um novo álbum será pensado para 2015, temos muitas músicas semi-prontas, porém ainda não é a hora de produzir pois queremos estar ao lado dos fãs que nos esperaram tanto tempo para curtir este novo show, esta nova estrutura.

17---Foto-por-On-Stage_menor

Para finalizar, gostaria de agradecer a gentileza de responderem à entrevista e peço que mandem uma mensagem aos leitores do Consultoria do Rock.

DJ: Eu que agradeço o espaço cedido pelo Consultoria do Rock e quero avisar nossos fãs que em breve teremos um making of e fotos inéditas das gravações do clipe da “Fury and Rage”. Fiquem atentos no www.suprema-online.com e no Facebook também www.facebook.com/supremabr . Nos vemos logo mais na estrada, abraço!

Deixar comentário

Seu email NÃO será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.