Santana retoma parceria com Rob Thomas em “Move”, single que anuncia novo álbum

Um dos maiores hits do fim dos anos 90 foi “Smooth”, faixa que unia Santana com Rob Thomas, vocalista do Matchbox 20. Agora, 22 anos depois, o artistas se reencontram em “Move”, uma explosiva faixa que anuncia Blessings and Miracles, o novo álbum de estúdio do lendário guitarrista mexicano. Previsto para o dia 15/10, o novo disco é um lançamento BMG. Ouça “Move”. Garanta “Blessings and Miracles” na pré-venda. “‘Move’ surgiu de maneira muito parecida com a forma como ‘Smooth’ aconteceu”, lembra Santana. “Foi como se surgisse uma intervenção divina e eu sabia que tinha que gravar com Rob. A música é sobre o despertar de tudo em seu ser. Acenda e ative a si mesmo – você sabe… se mova. Quando Rob e eu trabalhamos juntos, temos um som incrível”. A faixa conta ainda com backing vocals da banda de rock alternativo American Authors e abre passagem para uma estelar lista de convidados como Chick Corea, Chris Stapleton, G-Eazy, Diane Warren, Steve Winwood, Rick Rubin, Corey Glover, Kirk Hammett, entre outros.

Santana passou grande parte dos últimos dois anos gravando o álbum, feito boa parte à distância durante a pandemia. Quanto à seleção de artistas que colaboraram, Santana admite que às vezes fica surpreso com a forma como eles entram magicamente em sua vida. “Eu não escolho pessoas – é como se eu fosse escolhido”, diz ele. “Estou honrado em trabalhar com artistas tão incríveis. Sinto-me como um surfista surfando nas ondas que se transformam em canções destes diferentes criadores. Tenho muita sorte de ter a oportunidade de fazer isso e valorizo bastante”. Membro do Rock’n’Roll Hall of Fame e multipremiado em uma carreira que passa por mais de cinco décadas como sinônimo de qualidade e bom gosto em rock, pop, psicodelia e música latina, Santana quer continuar se desafiando e surpreendendo o público. “Move” está disponível em todas as plataformas de música digital.


Torture Squad: Mayara Puertas participa de novo álbum do Sepultura

Durante o período da quarentena causada pela pandemia da Covid-19, o Sepultura deu início ao evento semanal chamado SepulQuarta, onde artistas convidados, além de serem entrevistados, faziam colaborações musicais com a banda. Uma das colaborações mais icônicas se deu com as participações de Mayara Puertas (Torture Squad), Fernanda Lira (ex-Nervosa, Cryta), e Angelica Burns (Hatefulmurder), que executaram em conjunto a música “Hatred Aside”, originalmente do álbum Against, de 1998. Como já é de conhecimento geral, todo esse material está sendo lançado em CD, e Mayara Puertas deu um depoimento muito especial a respeito de sua participação no mais novo trabalho do Sepultura:

“Unir 3 frontwomans brasileiras nessa versão foi genial, cada vocalista com seu estilo próprio de interpretação, Fernanda e Angélica são grandes amigas minhas então foi muito prazeroso dividir os vocais com elas. Sugeri alguns arranjos de vozes diferentes da versão original, adicionando vocais limpos e fiquei muito feliz que o Andreas e o Derick foram receptivos com essas idéias. Fazer parte de um pedacinho da história do Sepultura é uma honra, e só tenho a agradecer a banda pelo convite e por acreditarem na nova geração do metal nacional”. Você pode conferir a participação de Mayara Puertas no link.

Torture Squad: May “Undead” Puertas – vocal; Rene Simionato – guitarra; Castor – baixo; Amilcar Christófaro – bateria

Mais informações:

Site Oficial

Facebook

Instagram

YouTube

Spotify


Em clima obscuro e denso, Facing Death, lança videoclipe de “Efeito Imoral”

Dando sequência ao lançamento do álbum 7 Vidas, a banda Facing Death vem com um visual obscuro para retratar o lançamento do videoclipe de “Efeito Imoral”, segunda peça audiovisual que faz das ações de lançamento do full lenght. Confira “Efeito Imoral“. Abordando a polarização politica e social corrente no país, o Facing Death, deixa claro para que lado do muro caem aqueles que estão cima do mesmo, afirmando a sua posição e dando um tapa na cara de quem ainda não entendeu o que se passa no país. Gravado e produzido pela Torres Comunicação, produtora que vem trabalhando junto a banda desde 2019, aqui temos uma obra audiovisual monocromática para dar o tom dos tempos escuros que vivemos, com influências cenográficas e de edição do clássico do cinema Assassinos por Natureza (1994, Oliver Stone).

Com 6 anos de existência, 1 álbum de estúdio, 1 álbum ao vivo, 1 single inédito, 4 videos clipes oficiais e depois de dezenas de shows e participações em festivais, televisão e rádios, o trio de Jundiaí-SP acaba de lançar o seu mais novo trabalho, o seu segundo álbum de estúdio intitulado 7Vidas. Com 10 canções inéditas e totalmente em português, a banda inicia uma nova fase sonora com esse trabalho. Diferente de seu antecessor From Here to the Unknown (2017), que apresentava um som mais lento com mais nuances de metal em meio ao punk, dessa vez a sonoridade alcançada está mais conectada com um rock mais sarcástico e cínico, com guitarras mais abertas e baixo & bateria firmes, como um verdadeiro trio barulhento e coeso. “Dessa vez nós buscamos um instrumental mais aberto, que soasse mais alto e limpo, para que a voz entrasse firme no meio disso tudo e proporcionasse um entendimento muito claro das letras e melodias” destaca Flávio Almeida, guitarra e vocal.

7Vidas aborda temas políticos, pessoais e mais do que isso, se conecta a todo o trabalho já realizado pela banda, sendo nas letras quanto na parte artística. O primeiro From Here to the Unknown (2017) é conceitual e as histórias são conectadas entre si, sequencialmente, fazendo um paralelo entre a vida pessoal de cada integrante com os problemas sociais vivenciados pelos mesmos, girando em torno de uma uma história de vida que começa a ser contada quando se está no fundo do poço, evoluindo para uma volta por cima através da música. Isso se concretiza em “Dinheiro”(2019), onde a banda começou a preparar o terreno para o que viria depois dessa virada de vida, que se conecta ao 7Vidas, onde a vibe por aqui é de ser intenso mas com os pés no chão, lembrando sempre que a vida pode ser apenas hoje e é preciso o mínimo de entendimento sobre como vivê-la bem. “O nome 7Vidas faz um paradoxo com as vidas de um gato, que supostamente vive sete, sendo essa a nossa última chance” nas palavras de Diego Biff, batera. Confira 7Vidas


Oitão anuncia novo baterista e consolida formação

O Oitão está com novo baterista e é o experiente Bruno Santin quem completa com peso e técnica a formação da banda, ao lado de Henrique Fogaça (vocal), Ciero (guitarra) e Tchelo Martins (baixo). A entrada de Santin solidifica o Oitão para as próximas novidades e lançamentos do quarteto de hardcore/metal. Bruno Santin é natural de Piracicaba, interior de São Paulo, e é baterista profissional desde a adolescência. Dentre os projetos de destaque do músico estão a Cardiac, Endrah e o Lockdown, projeto death metal criado em meio à pandemia com João Gordo (Ratos de Porão), Antonio Araújo (Korzus e Matanza Ritual) e Rafael Yamada (Claustrofobia e ex-Project 46).

A entrada de Bruno no Oitão, revela Fogaça, foi indicação de ninguém menos que Eloy Casagrande, o baterista do Sepultura. “Quando resolvemos fazer essa mudança, liguei para o Eloy e ele me indicou três bateristas, entre eles o Bruno. Já conhecia seu trabalho e logo fechamos”. A mais recente música do Oitão é a agressiva e old school ‘Covid 19/Abismo’, produzida pela Oitão junto a Thiago Bianchi, da banda Noturnall, e que também ganhou videoclipe (assista aqui).

Siga o Oitão no Instagram


ANGUERE – TRUCULÊNCIA (E X C L U S I V E – WORLDWIDE VIDEO PREMIERE!)

Apresentamos nosso vídeo oficial da faixa “TRUCULÊNCIA”, em parceria com o canal HardCore WorldWide! Fizemos um “E X C L U S I V E – WORLDWIDE VIDEO PREMIERE” para o lançamento oficial! A faixa TRUCULÊNCIA vem com um contexto explícito tanto em sua letra quanto no vídeo, mostrando a violência e o racismo cometido pelos homens da lei, que tem o poder e autorização de matar pelo estado! Anos e anos de violência e a cada dia que passa parece que isso esta cada vez mais presente em nossa sociedade! Nesse contexto que colocamos nossa preocupação em relação ao tema e mais uma vez infelizmente falamos de violência!

Esse vídeo conta com a Direção, Produção, Câmera e Edição de BRUNO NICOLETTI, Roteiro, Ass. Técnico e Câmera 2 de LOURENÇO FAVARI e pelos atores Felipe Custódio (Policial) e Rafael de Paula (Cidadão). O conteúdo deste vídeo é dramatizado para fins artísticos! Agradecemos: a todos que nos apoiam e participaram da produção para que tudo isso se trona-se realidade! Obrigado e confira.

ANGUERE é: Thiago Soares / Cleber Roccon / Predro Amaro Giachetti / Ricardo Santos

FOLLOW US ON & MORE INFOS:

Site

FaceBook

BandCamp

Instagram

Twitter


VULCANO: Assista a participação da banda no Stay Home Festival – 10ª Edição

Nodia 20/08, os paulistas do VULCANO dividiram espaço com outros grandes nomes do cenário underground nacional na décima edição do Stay Home Festival. A banda apresentou-se com a faixa “Spirits of Evil”, do clássico Bloody Vengeance, com cenas gravadas em Londres, durante a última turnê do grupo pela Europa, assista. Veja o Stay Home Festival – 10ª Edição completo aqui.

Em outras notícias, o VULCANO foi destaque no SnowPodcast, onde concederam uma extensa entrevista, onde falaram dos seus 40 anos de carreira, novo trabalho Majestic Satanic Eruption, próximo álbum, Stone Orange – previsto para 2022 – e MUITO mais, confira. 2021 é um ano extremamente importante para os santistas do VULCANO, que ainda celebram a boa receptividade de Eye In Hell, preparam seu sucessor, Stone Orange, e comemoram seus 40 anos em prol do Metal extremo.

No último dia 28/08, a TV Tribuna – emissora afiliada da Rede Globo – destacou em seu programa Vai Nessa essa longeva carreira, onde a apresentadora Vanessa Martins conversou com os integrantes que falaram sobre a trajetória da banda e como se tornaram um dos nomes mais influentes e respeitados do Death Metal mundial, confira. Assista pela GloboPlay aqui.

Em outras notícias, o split álbum, intitulado Majestic Satanic Eruption, gravado ao vivo ao lado dos paulistas do Vazio, ainda encontra-se disponível para pré-venda por apenas R$ 50,00 (com frete grátis), adquira aqui. Encontre a discografia completa dos santistas em todas as principais plataformas de streaming e download do mundo.

Sites relacionados:
Facebook
Site oficial
Sangue Frio Produções


Toxikull – novo single “Darkness” com a participação de Marta Gabriel

Depois de “Metal Defender” e “Nascida no Cemitério”, os Toxikull revelam o terceiro single do Warrios Collection. “Darkness” contará com a participação vocal de Marta Gabriel da banda Crystal Viper. Lex: Tanto o vídeo como a música, remetem para a personificação da “escuridão” e a influência que tem nas nossas vidas. Escuridão esta que aparece como força tóxica e maléfica invisível aos olhos humanos mas que está bem presente na vida humana. A escuridão que nos ilude, que nos faz falhar e não permite brilhar nos momentos de salvação ou de um novo recomeço, podendo isto apenas ser fruto dos nossos próprios limites e imaginação ou não.

Links TOXIKULL:

Official Website

Facebook

Youtube

Instagram


Sub-Rock Lança música em espanhol para a América Latina

Sub-Rock fez uma versão em espanhol para a música “Nós Contra Nós” e o nome da música ficou: “Contra Nosotros”. O single não foi uma tradução literal da música em português, segundo Gil Freitas (baixista e compositor da música): “A versão em português fala de fatos que aconteceram no Brasil, mostrando que a gente fica se matando em nome de pessoas que não liga para gente. E a versão em espanhol, fico uma versão mais genérica falando contra os políticos que é um mal que atinge toda a América Latina.” Esta é a segunda música em espanhol da banda, a primeira foi Dolores (Dorlores e português) e a Sub-Rock garante que não para por aí, virão outras versões para o resto da América Latina.

Sobre Sub-Rock
A banda foi formada em 2019 por Gil Freitas, Mauricio França e Rita Mendes, que já tinha uma banda anterior e resolveram criar a Sub-Rock. Chamaram Vinicius Pimentel e Diego Lutero para completar o time. Desde o início o objetivo era fazer som autoral, então desde os primeiros ensaios todos focaram em compor novas músicas ou fazer novas roupagens de músicas de projetos anteriores. Foram feito alguns ensaios abertos para testar a recepção das novas músicas e após isto a decisão de gravar foi natural.

Primeiro EP
A primeira decisão era fácil, a gravação seria no Conspiração Records do lendário Lau Andrade em Osasco. Uma outra decisão da banda, seria chamar um produtor, pois todos queriam uma sonoridade diferente. A escolha foi por Kleber Muniz, que além de produtor faz parte da banda Extremo Soma. No começo das gravações veio o convite do selo CrossoverBr, era o que faltava! O EP não se apega a um único estilo, navega pelo punk, grunge, pós grunge. E ainda teve a participação especial de Patricia Rod Mal ( Suiteluxo) na versão em Espanhol de Dorlores e o Kleber Muniz deu uma canjinha no baixo em “Nós Contra Nós” Após o EP a banda ainda gravou a música “Nada Com Nada “com a participação especial de Renato Limonge.

Formação: Maurício (Tio) França – Vocal; Gil Freitas – Baixo/Vocal; Rita Mendes – Guitarra; Vinicius Pimentel – Guitarra; Diego Lutero – Bateria
Contatos e redes sociais
Facebook
Instagram
Youtube


“Ao Vivo no Trilha” é o terceiro lançamento de Matheu Corrêa em 2021

O músico Matheu Corrêa lançou na última sexta-feira, dia 20, seu terceiro trabalho em 2021. Após os singles “Indelével” e “Testemunho”, Matheu Corrêa traz registro feito em Live direto de Sapucaia do Sul no estúdio Trilha Hub Cultural, que conta com quarteto formado por Felipe Bonilha na bateria, Renato Martinez no baixo, Maurício Tubs nos teclados e o próprio Matheu nas guitarras e vocais. As sete faixas presentes no álbum Ao Vivo foram mixadas e masterizadas por Rodrigo Rysdyk no Estúdio Trilha Hub Cultural.  Ouça Agora.

Da Vila Augusta em Viamão para o mundo. Natural de Porto Alegre, mas residindo em Viamão desde a infância, Matheu é cantor, compositor e guitarrista há mais de 15 anos, influenciado por Jimi Hendrix, James Brown, Fela Kuti, Jack White, Tim Maia e Gil. O músico estreou na cena musical no ano de 2019, com o single Meu Black É Rock, em seguida com o segundo single Funk Drama, e ambos foram sucesso de crítica. No final do mesmo ano, o álbum Meu Black É Rock lhe rendeu o prêmio Açorianos de Instrumentista e Revelação Pop 2020. Trilha Hub Cultural é um estúdio de gravação e ensaios localizado em Sapucaia do Sul. O espaço inaugurado em 2018 funciona também como pub, sala de reuniões, coworking, ou seja, é um espaço criativo. Durante a trajetória do Trilha, o espaço vem ganhando força e tem se destacado como um importante fomentador da arte e cultura da região metropolitana.

Deixar comentário

Seu email NÃO será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.