Balde de Sangue: EP “Sangue, Cerveja e Glória” lançado!

Após um hiato de sete anos sem lançar material inédito a BALDE DE SANGUE lança no mercado seu novo EP, o poderoso Sangue, Cerveja e Glória, ainda mais pesado e instigante, mantendo a característica de suas letras acidas e marcantes, com uma musicalidade variada e precisa. O material é composto por sete faixas – ironia ou apenas coincidência?! – E foi produzido pelo conceituado produtor uruguaio Sebastian Carsin.

01 Nome Sujo

02 Poker com o Diabo

03 Sinos e Corvos

04 Sangue, Cerveja e Glória

05 Instinto Homicida

06 Malditos Camponeses

07 Bando da Morte

A capa do trabalho foi desenvolvida pelo artista Raphael Cardoso no melhor estilo revista em quadrinhos em uma arte bem-humorada e atrativa.

Não perca tempo e ouça “Sangue, Cerveja e Glória” agora mesmo, seja no Facebook ou no Youtube.


Carniça: promoção no Spotify valendo sua discografia

Em comemoração ao 20 de setembro – mais conhecido como o “Dia do Gaúcho” – que marca a Revolução Farroupilha, a CARNIÇA resolveu lançar uma nova promoção, para valorizar ainda mais as origens da banda e um dos seus Singles mais aclamados, a faixa “Revolução Farroupilha” que está presente em seu álbum mais recente.

Composição está que traz a história desta batalha que marcou o povo gaúcho e sua liberdade. Então se você está conectado no mundo virtual e em suas plataformas digitais saiba como concorrer a discografia da CARNIÇA:

*Acessar o Spotify via aplicativo ou navegador e procurar pelo artista Carniça e curtir para seguir a banda (ícone coração);

*Acessar o álbum Carniça (2017) e clicar no som “Revolução Farroupilha” e compartilhar no Facebook ou copiar o link e colar em publicação (modo público) no Face, marcando o perfil da banda com a hashtag #HeavyRottenMetal;

O sorteio será realizado no dia 01/10 entre os perfis do Facebook que estiverem participando.

A discografia da CARNIÇA é composta por:

Rotten Flesh (1999)

Temple’s Fall… Time to Reborn (2011)

Nations of Few (2013)

Rotten Flesh (2016 – relançamento)

Carniça (2017)

Links Relacionados:

Facebook

Youtube

Twitter

Soundcloud


Bloqueio Mental: banda apresenta novo baterista

Após anunciar audições para encontrar um novo baterista para o posto em aberto no Bloqueio Mental, a banda, comunica ter encontrado o nome certo para o cargo e apresenta oficialmente seu novo integrante, o baterista Petherson Freitas.

O músico atua a mais de 10 anos e está ativamente na cena curitibana sendo destaque como músico ativo das bandas Tijolado S.A. e Atrocitus. Agora Petherson assume as baquetas do Bloqueio Mental e se diz pronto para esse novo desafio em sua carreira e o quanto é satisfatório fazer parte do grupo que ele é fã e acompanha já há muito tempo: “Tocar no Bloqueio é uma satisfação imensa. Uma banda que acompanhei desde adolescente, e sempre curti o fato de o estilo não ficar cagando regra. Sem contar que os caras tão preparados pra tirar um som”.

Novamente com a formação fechada, o Bloqueio Mental se prepara para o cumprimento de sua agenda de shows que possuí algumas datas já confirmadas, entre elas uma apresentação com a lendária banda de hardcore The Varukers no dia 03 de novembro em Curitiba/PR.

BLOQUEIO MENTAL É FORMADO POR: Fábio Malerba (vocais); Deniz Aurélio (guitarras); Bruno Guedes (contrabaixo); Pheterson Freitas (bateria)

MAIS INFORMAÇÕES:

Facebook
Roadie Metal Press


INNER CALL – Elementals recebendo efusivos elogios

A banda baiana de Heavy Metal Tradicional Inner Call vem colhendo efusivos elogios sobre seu mais recente trabalho, o EP Elementals (Independente – 2018). O redator Eden Lozano foi bastante enfático sobre a qualidade de Elementals. Confira um trecho retirado do longo review recentemente colocado online no site da Roadiecrew: “Ao executar o cd ouvimos com certeza uma das melhores bandas do Brasil, a essência deste trabalho nos remete as melhores bandas do estilo e consagradas no Brasil na década de 80, , mas com uma roupagem moderna, pois apesar de notarmos claras influencias oitentistas a banda se preocupou em não ter uma gravação nos mesmos moldes…”


THE CROSS – regravação de “The Fall” com participação do vocalista do Malefactor

A banda baiana The Cross, pioneira no Brasil quando se trata de Doom Metal, está regravando a lendária demo “The Fall” para comemorar os vinte e cinco anos de seu lançamento. Para isto alguns seletos vocalistas foram convidados para abrilhantar ainda mais as novas versões. O “escalado” para participar da regravação da música “Flames of Deceit” foi nada mais nada menos que Lord Vlad da lendária banda baiana de Unholy Metal Malefactor. Neste link, Lord Vlad comenta sobre sua participação, além de podermos conferir um trecho da sua participação.


Escola Alemã: um dos pioneiros do Metal em Goiás retoma as atividades e anuncia fechamento com a Roadie Metal Assessoria

Fundado inicialmente no ano de 1986, a Escola Alemã é uma das primeiras bandas a surgir no estado Goiás dentro do estilo Heavy/Thrash Metal. O grupo esteve como um dos percursores entre os anos de 86 e 90, sendo um dos principais fomentadores do estilo e arrebatando uma legião de fãs na época com sua proposta pesada e tradicional.

Após um hiato que perdurou por mais de 20 anos, a Escola Alemã retoma sua carreira e dá início à uma série de novidades sobre esse retorno tão aguardado por novos e velhos fãs de Metal nacional do centro-oeste brasileiro.

O primeiro ato acaba de ser revelado, a banda acaba de assinar assessoria de imprensa com a Roadie Metal, que junto aos músicos estará assumindo a responsabilidade de criar e divulgar todo e qualquer conteúdo gerado pela Escola Alemã. O primeiro passo acaba de ser revelado, a assessoria libera aos saudosistas fãs da banda o Canal oficial do grupo no YouTube, o instagram e o press oficial liberado no site da Roadie Metal, confira:

YouTube

Instagram 

Roadie Metal Press

Facebook

A Escola Alemã tem em sua temática abordar assuntos sobre guerras, em especial a primeira e segunda guerra mundial. Os músicos em breve estarão disponibilizando no YouTube e em todas plataformas de Streaming as primeiras demos da atual fase para os fãs conferirem como está o processo atual de composições e gravações.

Escola Alemã é formada por: Allan Paulino: Vocal; Carlos D’Boa: Guitarra; Cláudio Bezerra: Guitarra; Acir Júnior: Bateria; Breno Pessoa: Baixo


Monday Riders apresenta seu novo baixista

Com a saída do baixista Rafael, o Monday Riders não perdeu tempo e recrutou um grande nome goiano para o posto deixado em aberto na banda. O músico Wagner Felix, conhecido no estado pelos trabalhos a frente do “Cassino. 357” e alguns projetos covers que toca na noite, foi integrado oficialmente como o novo responsável pelas quatro cordas do grupo.

O músico Wagner revela como foi o convite e a rapidez em aceitar fazer parte do Monday Riders: “Bom, sempre gostei de rock, desde que meu avô levou um disco que esqueceram no restaurante onde ele trabalhava pra casa. O disco era “Love at First Sting” dos Scorpions, eu tinha 7 pra 8 anos, e ouvi “Bad Boys Running Wild” até o disco furar.

Minhas influências são hard rock e blues em geral. Minhas bandas preferidas são “Deep Purple” e Black Sabbath. Sou um músico tardio, hoje com 41 anos, comecei a tocar em 2013, com 36 anos. Minha primeira banda foi a Cassino .357. Até aqui já participei de algumas bandas cover, sendo a principal “Deep Black Horizon”. Fiz uma passagem rápida ainda na fase de aprendizado com a banda “Toten”, alguns projetos de artista solo como Rodrigo Invernizzy, alguns trabalhos como substituto por um show em algumas bandas e atualmente nas bandas autorais “Meros Conhecidos” e “The Mentia”.

Sou fã da Monday Riders e amigo dos integrantes desde 2015, quando a Cassino .357 fez um show de abertura pra Monday Riders, cheguei a fazer algumas “jams” com a banda. Acredito que por ser um fã descarado da banda, com a saída do Rafita meu nome deve ter sido um dos primeiros lembrados. E realmente foi uma proposta irrecusável (tocando o tema de The Godfather) e estou ansioso pra estrear no palco com esses caras”.

Com a ingressão de Wagner Felix no baixo da Monday Riders, o grupo retomará o processo de gravações do segundo álbum de estúdio e revela que já possuí dois shows confirmados entre os meses de outubro e novembro de 2018, e alguns outros sendo negociados.

O próximo show e estreia oficial de Wagner Felix nos palcos, será dia 06 de outubro no Capitains Clube em Goiânia, todas as informações do show neste link:

MONDAY RIDERS É FORMADO POR: Jairo Rosenrods – vocais; Renato Teixeira – guitarras; Paulo Meneses – bateria; Wagner Felix: Baixo

MAIS INFORMAÇÕES:

Facebook
YouTube
Instagram
Roadie Metal Press 


BAYSIDE KINGS & MAIS QUE PALAVRAS

Os fãs de hardcore foram presenteados, nesta quarta-feira (26), com duas novas faixas das bandas Bayside Kings e Mais que Palavras. “Tired Of This Earth” e “Supostamente Separados” fazem parte do CD Split “Yin Yang”, que já está em pré-venda e será lançado pela Hearts Bleed Blue (HBB) em parceria com a AWAM Records em 19 de outubro.

O CD conta com três faixas de cada uma das bandas e, segundo o vocalista do Bayside Kings Milton Aguiar, o Split evoca o conceito de dualidade do símbolo título do disco. “A ideia é mostrar as duas bandas falando sobre a mesma coisa – o questionamento interno, só que com intensidades em lados opostos. O Mais Que Palavras vai apresentar um som melódico com ideias positivas, enquanto o Bayside Kings mostrará um lado mais selvagem, totalmente agressivo, com letras beirando ao pessimismo com ponto de retorno de esperança e auto evolução”.

Milton revela ainda, o significado da faixa “Tired Of This Earth”: “É uma alusão a HQ Watchman, onde um personagem chamado Dr. Manhathan fica cansado da cobrança da humanidade e do egoísmo do ser humano e procrastina os problemas para ele resolver, decidindo se mudar para Marte. É como eu me sinto com a procrastinação do próximo, e isto me desamina, me coloca em xeque, me deixa cansado das regras que fomos condicionados”, diz.

Já “Supostamente Separados”, de acordo com o guitarrista Fill Braga do Mais Que Palavras, “lembra que somos parte de um ecossistema muito sensível, uma cadeia de interdependências de um organismo formado por cada um. Somos ao mesmo tempo individuais e coletivos. Lembrar disso reforça que cada ação direcionada ao externo é igualmente direcionada ao interno, já que não temos como nos desconectar do todo”.

O videoclipe de “Tired Of This Earth” tem direção de João Bonafé e Murilo Amâncio, enquanto “Supostamente Separados” é dirigido, filmado e editado por Mamoru Yamamoto.

Assista aos videoclipes:
Tired of this Earth” – Bayside Kings
Supostamente Separados” – Mais Que Palavras

Garanta a sua cópia do Split “Yin Yang” na pré-venda
Confira a lista de shows da turnê do Bayside Kings:


Eyehategod e Samsara Blues Experiment comandam Abraxas Fest 2018

Em outubro, festival que celebra 5 anos da Abraxas como produtora e selo acontece em São Paulo e Rio de Janeiro AF 2DATAS WEB. Os 5 anos de intensas atividades da Abraxas, tanto como produtora de turnês de bandas nacionais e internacionais, como de selo, com um cast de mais de 50 bandas brasileiras e gringas, serão celebrados em outubro no Abraxas Fest 2018, dias 13 e 14 em São Paulo e Rio de Janeiro, respectivamente, com respeitadas bandas estrangeiras e nomes em ascensão do cenário musical do país.

Para o festival, a Abraxas traz pela primeira vez ao Brasil a lendária banda norte-americana de heavy metal Eyehategod, que é referência para todas as bandas do gênero sludge e dona de uma respeitada – e alucinada – carreira de 30 anos, com disco alçados a clássicos da música pesada.

Os alemães do Samsara Blues Experiment também farão parte desta comemoração, agora em sua segunda visita ao Brasil, um ano depois da concorrida turnê com shows completamente lotados. De volta ao Brasil, o power trio divulga o último disco One With the Universe (que ganhou versão nacional – CD digipack – pela Abraxas Records), em que levaram à exaustão o finíssimo rock progressivo psicodélico.

Em São Paulo, o Eyehategod e o Samsara Blues Experiment terão a companhia da Noala, sludge/post-metal da capital paulista, mais a clássica banda de doom metal brasiliense Into the Dust, conhecida como ITD. No Rio, os gringos dividem o palco com os paulistanos do avassalador Jupiterian e com os curitibanos do Pantanum e seu stoner doom psicodélico único.

SERVIÇO
Abraxas Fest em São Paulo
Evento: www.facebook.com/events/428628674243793
Data: 13 de outubro de 2018
Horário: a partir das 17 horas
Bandas: Eyehategod, Samsara Blues Experiment, Noala, ITD
Local: Fabrique Club
Endereço: Rua Barra Funda 1071 – Barra Funda/SP
Ingresso: R$ 120 (primeiro lote antecipado) até a véspera do show, online (com taxa de serviço)
Vendas online: https://www.sympla.com.br/abraxasfestsp
Venda física (sem taxa de conveniência):
Yoga Para Todos (Rua Doutor Cândido Espinheira, 156 – Perdizes) – (11) 94314-7955
Volcom (Rua Augusta, 2490 – apenas em dinheiro) – (11) 3082-0213
Loja 255 na Galeria do Rock – (11) 3361-6951
Ratus Skate Shop (Rua Doná Elisa Fláquer, 286 – Centro, Santo André) – (11) 4990-5163
Na Hora: R$ 140
Censura: 16 anos

Abraxas Fest no Rio de Janeiro
Evento: www.facebook.com/events/1925147550842727
Data: 14 de outubro de 2018
Horário: a partir das 18 horas
Bandas: Eyehategod, Samsara Blues Experiment, Pantanum, Jupiterian
Local: Cais da Imperatriz
Endereço: Rua Sacadura Cabral, 145 – Centro/RJ
Ingresso: R$ 100 (primeiro lote antecipado)
Venda online: https://www.sympla.com.br/abraxasfestrj
Venda física (sem taxa de conveniência):
Rocksession (Rua Conde de Bonfim, 80, loja 3 – subsolo – Tijuca) – 3168-4934
Tropicália Discos (Praça Olavo Bilac, 28 – Sala 207 – Centro) – 2224-9215
Hocus Pocus DNA (Rua 19 de fevereiro, 186 – Botafogo) – 3452-3377
Inside Rock (Avenida Amaro Cavalcanti, 157 – Méier) – 3985-8040
Sempre Música Catete (Rua Corrêa Dutra, 99; sobreloja 216 – Catete) – 2265-6910
Na hora: R$ 120
Censura: 16 anos


Electric Goat Combo exalta post-stoner em novo single

“Ed Gein Beats Philippe Starck”, cuja sonoridade é tão complexa e intrigante quanto ao nome da composição, é o novo single do Electric Goat Combo, já disponível nas principais plataformas de streaming pela Abraxas Records. Ouça aqui.  O autêntico post-stoner deste quarteto carioca em “Ed Gein Beats Philippe Starck” é uma experiência de oito minutos. Com estrutura de post-rock, a música cresce e se diversifica com nuances de stoner, jazz e ondas ora psicodélicas, ora pesadas. Apesar de alçar diversos gêneros, é uma canção bastante sólida e envolvente.

O Electric Goat Combo está há quase uma década na ativa, agora com a nova formação após a saída do baixista Zeh Antunes (hoje como one-man band no Shoreline Tales), que, no entanto, assina a composição de “Ed Gein Beats Philippe Starck” junto a Daniel Duarte, Pedro Fontes e Caio Braga. Entre o lançamento do primeiro álbum em 2010, Vertigo Blues, mais um apanhado de versões ao vivo em Bootleg vol.1 e o single “Sling”, a banda já abriu para o Mars Red Sky (França), Sahara Surfers (Áustria), The Flying Eyes (EUA) e Módulo 1000.

Deixar comentário

Seu email NÃO será publicado.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.