Por Jose Leonardo Aronna
O Climax Chicago Blues Band foi formado em Stafford, Inglaterra, em 1968, pelos músicos Peter Haycock (guitarra), Derek Holt (guitarra), Arthur Wood (teclados), Richard Jones (baixo), George Newsome (bateria) e Colin Cooper (saxofone e vocal). Faziam parte do boom do blues britânico, juntamente com bandas como Savoy Brown, Fleetwood Mac, John Mayall’s Bluesbraker e Keef Hartley Band. 

O grupo assinou com o selo Parlophone da Emi que lançou seus dois primeiros Lps, The Climax Chicago Blues Band (1969) e Plays On (1969), bem como o single “Like Uncle Charlie” / “Loving Machine”, também em 1969. 

No ano seguinte, mudam de selo, desta vez para o nosso adorado Harvest, que lança o álbum A Lot Of Bottle, produzido por Chris Thomas e gravado no célebre AIR Studios, em Londres. Agora, o grupo foi introduzindo um pulso mais forte do rock à sua música, com um olho para o circuito americano de turnês. Como resultado, o Lp tem material mais original e variado do que os dois primeiros álbuns.

O disco começa com um número instrumental “slide” acústico “Country Hat”, com uma performance solo de Pete Haycock. Depois, de cara, entramos dramaticamente em “Everyday”, com vocais ressonantes de Cooper que são complementados por uma batida bluesy um riff insidioso do baixo de Derek Holt. “Eu não vou ser feliz”, canta Colin melancolicamente enquanto a guitarra de Haycock ecoa ameaçadoramente. A seguir temos “Reap What I’ve Sowed”, que poderia ser descrito como Eddie Cochran se encontra com o Led Zeppelin, uma combinação explosiva, diga-se de passagem. Os vocais agudos mais altos são, presumivelmente, de Derek Holt e há muita slide guitar de Peter e a bateria George Newsome, conduz a canção magnificamente. Após temos o tema instrumemtal “Brief Case” onde o saxofone de Collins funciona bem em uníssono com a guitarra para produzir um arranjo estilo big band. O medley instrumental “Alright Blue?” e “Country Hat (Reprise)” finaliza o lado A, num estilo country blues, com um esplendido trabalho de harmônica de Colin Cooper. 

Lado A de A Lot of Bottle

O Lado B inicia com uma cover do famoso bluesman Willie Dixon, “Seventh Son”, começa como um número aparentemente lento, com Colin rosnando em cima de um baixo pulsante e um “cowbell”, de repente a canção explode com destaque pra um longo solo fenomenal de Haycock. Em “Please Don’t Help Me” temos de volta a harmônica de Colin, porém com um acompanhamento mais funky. A canção termina e sem interrupção entra direto em “Morning Noon and Night”, um de seus números mais “comerciais”, com uma forte influência Tamla Motown, com harmonias vocais que levam a banda em outra esfera musical. 

A seguir, “Long Lovin’ Man” apresenta um “piano boogie” contagiante a moda de New Orleans. Depois temos outra cover, “Lousiana Blues” um número de Muddy Waters, bem ao estilo tradicional blues rock, com destaque para a harmônica de Colin e a slide guitar de Haycock. O disco se encerra com “Cut You Loose”, onde o órgão Hammond e sax empurram os vocais em um número ao estilo Stax, que gentilmente vai diminuindo, deixando o ouvinte querendo mais. Então volte para o começo! 

A banda gravaria mais dois discos para a Harvest, o igualmente ótimo Tightly Knit (1971), cuja capa tem uma foto de um cara careca com uma meia em sua boca (!) e Rich Man (1972). Nesses discos o nome da banda foi abreviado para Climax Chicago. Nessa fase começaram a fazer extensivas turnês pelos Estados Unidos, abrindo para Wishbone Ash, Canned Heat e Steve Miller Band. 

Em 1975 excluem o “Chicago” de seu nome e passam a ser chamados de Climax Blues Band, num estilo mais americanizado de sua música. No ano seguinte chegam a terceira posição nos Estados Unidos com o single “Couldn’t Get It Right”. Em 1984 Peter Haycock deixa a banda e muda-se para a Alemanha. Colin continua tocando e forma uma nova Climax Blues Band com George Clover (teclados), Roger Inniss (baixo), Roy Adams (bateria) e Lester Hunt (guitarra). Desde então a banda vem lançando discos e excursionando até os dias de hoje com mudanças em sua formação (a aual formação da banda não contem nenhum membro original). Em 2005 o tecladista original Arthur Wood faleceu e em 2008 o mentor Colin Cooper também falece em consequência de um câncer.

Capa e Contra-capa de A Lot of Bottle
Track list: 
1. Country Hat 
2. Everyday 
3. Reap What I’ve Sowed 
4. Brief Case 
5. Alright Blue? 
6. Seventh Son 
7. Please Don’t Help Me 
8. Morning Noon and Night 
9. Long Lovin’ Man 
10. Louisiana Blues 
11. Cut You Loose 

Deixar comentário

Seu email NÃO será publicado.